Incidente com raio em avião da Azores Airlines provoca cancelamentos

Incidente com raio em avião da Azores Airlines provoca cancelamentos

 

Lusa/AO online   Regional   11 de Abr de 2018, 13:48

A Azores Airlines está esta quarta-feira a operar com menos uma aeronave devido a um incidente ocorrido na terça-feira com um airbus A320, que obrigou ao cancelamento das ligações Lisboa-Pico-Lisboa, disse hoje à agência Lusa fonte da empresa açoriana.

O porta-voz da SATA (que detém a marca Azores Airlines para ligações com o exterior do arquipélago) explicou que o incidente com o Airbus A320 da Azores Airlines ocorreu na terça-feira, às 19:00, quando, à descolagem em Lisboa, o avião, com destino à ilha Terceira, foi atingido por um raio e teve de regressar à capital.

“Aquele voo acabaria por se realizar com outro aparelho, mas o A320 foi para manutenção para avaliação dos danos provocados, pelo que a frota da Azores Airlines está reduzida”, explicou António Portugal.

Atualmente a frota da Azores Airlines é constituída por três A320, dois A321 e um A330.

António Portugal adiantou ainda que hoje, e devido à falta da aeronave atingida por um raio, a companhia aérea açoriana foi forçada a cancelar o voo Lisboa-Pico-Lisboa e os passageiros deste voo serão protegidos em ligações via Terceira e Ponta Delgada entre hoje e quinta-feira.

Em causa estão 140 passageiros no voo Lisboa-Pico e 53 na ligação Pico-Lisboa.

A aeronave atingida pelo raio só deverá estar totalmente reparada durante o dia de hoje, segundo a SATA.

A Azores Airlines é, dentro do grupo SATA, o ramo de negócio que opera para fora do arquipélago, seja para Portugal continental, Madeira ou estrangeiro.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.