Biblioteca Pública de Angra promove conferência 'Luís da Silva Ribeiro, a etnografia e o tempo'

Biblioteca Pública de Angra promove conferência 'Luís da Silva Ribeiro, a etnografia e o tempo'

 

Miguel Bettencourt Mota   Cultura e Social   14 de Nov de 2017, 17:22

A Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro promove esta sexta-feira, a partir das 21h00, a realização de uma conferência de Helena Ormonde, intitulada “Luís da Silva Ribeiro, a etnografia e o tempo”.


A conferência, realizada no âmbito da exposição “Luís da Silva Ribeiro: alma e consciência da ilha Terceira e dos Açores”, será seguida de uma atuação do Coro Pactis, com músicas do folclore açoriano.

 Luís da Silva Ribeiro, estudioso da etnografia terceirense e açoriana, privilegiou a cultura popular como seu campo de estudo.

 Segundo uma nota de imprensa do Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS) a sua obra, reunida e publicada pelo Instituto Histórica da Ilha Terceira, já foi objeto de diversas reflexões, sobretudo no que toca aos seus contributos para a formação de uma identidade açoriana, que lhe asseguram um dos lugares destinados aos grandes vultos da cultura nos Açores.

Helena Ormonde, licenciada em Antropologia Cultural e mestre em Museologia e Património, exerceu, entre dezembro de 2009 e novembro de 2012, o cargo de diretora do Museu de Angra do Heroísmo.

O Coro PACTIS, fundado em 1991 por Fátima Gonçalves, que o dirige desde então, está vocacionado para coro 'a capella', tendo já um grande número de atuações em Portugal e no estrangeiro.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.