Treinador do Moreirense está “apreensivo” com falta de reforços


 

Lusa/Ao online   Futebol   22 de Jul de 2018, 09:41

O treinador do Moreirense, Ivo Vieira, mostrou-se este sábado preocupado com o reduzido número de jogadores na equipa da I Liga portuguesa de futebol e disse que precisa ainda de "sete ou oito reforços".

Quase um mês depois de ter iniciado a época 2018/19, em 25 de junho, o clube minhoto tem oficialmente um plantel de 22 jogadores, que inclui cinco reforços - Pedro Trigueira, D'Alberto, João Aurélio, Fábio Pacheco e Pedro Nuno.

Ivo Vieira considera, no entanto, que esse número é insuficiente, a uma semana do primeiro jogo oficial, com o Varzim, para a segunda fase da Taça da Liga.

"Estamos curtos para uma competição de uma exigência tão grande. Estou bastante apreensivo com esta situação", disse, após a derrota com o Boavista (3-0), em jogo para o torneio quadrangular de Águeda, que decorreu em Moreira de Cónegos.

Ivo Vieira acrescentou que "há sete ou oito jogadores que faltam entrar no plantel, findas quatro semanas de trabalho" e que tem recorrido a juniores para fazer situações de ‘10 contra 10' nos treinos.

O técnico mostrou-se, ainda assim, satisfeito com a forma como os jogadores colocaram em campo, frente ao Boavista, a "ideia de jogo" que tem sido trabalhada, apesar de terem falhado "quatro a cinco situações de golo".

O Moreirense, que, na pré-época em curso, já cancelou particulares com o Rio Ave, da I Liga, e com o Paços de Ferreira, da II Liga, disputa o primeiro jogo oficial com o Varzim, no fim de semana de 28 e 29 de julho, e vai iniciar o campeonato com a receção ao Sporting, no fim de semana de 11 e 12 de agosto.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.