Marcelo considera “muito relativo” clima de tensão política em Portugal

Marcelo considera “muito relativo” clima de tensão política em Portugal

 

Lusa/AO online   Nacional   13 de Abr de 2018, 10:13

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, relativizou esta sexta-feira, no Cairo, o clima de tensão política em Portugal por causa do Programa de Estabilidade e o Orçamento, dizendo que “tudo é relativo, muito relativo”.

“Tenho por hábito não comentar no estrangeiro o que se passa em Portugal, mas aqui, sentindo o que sentimos, percebemos que é tudo relativo, muito relativo. Aquilo que parece muito importante, muito grave num dia, numa semana, num mês, daí a uma semana, um mês, seis meses, já ninguém fala disso”, afirmou o chefe de Estado, após uma visita em ‘passo de corrida’ às pirâmides de Gizé.

Marcelo Rebelo de Sousa falou aos jornalistas enquadrado pelas milenares pirâmides de Gizé e pela sua famosa esfinge sem nariz para fazer um balanço da visita de Estado de três dias ao Egito, que termina hoje, acabando também por comentar a situação política em Portugal.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.