Série ‘Roseanne’ cancelada nos EUA devido a comentário racista da protagonista

Série ‘Roseanne’ cancelada nos EUA devido a comentário racista da protagonista

 

Lusa/AO online   Cultura e Social   30 de Mai de 2018, 09:18

A série televisiva norte-americana ‘Roseanne’ foi esta quarta-feira cancelada depois de a protagonista, Roseanne Barr, ter efetuado com comentário racista numa rede social contra Valerie Jarret, a antiga assessora do ex-Presidente Barack Obama.

A ABC decidiu cancelar a série depois de Roseanne Barr ter escrito na rede social Twitter que Valerie Jarrett era um produto da irmandade muçulmana e do ‘Planeta dos Macacos’.

O presidente da ABC Entertainment, Channing Dungey, disse que o comentário foi algo “abominável, repugnante e inconsistente” com os valores da empresa.

A atriz apagou a mensagem e disse que foi uma “piada de mau gosto”, mas série foi cancelada.

‘Roseanne’ foi uma comédia de sucesso nas décadas de 80 e 90 e, mais de 20 anos depois, foi de novo para o ar este ano, com o primeiro episódio a ser emitido em março e a conseguir uma audiência de 25 milhões de pessoas.

A ABC esperava conseguir milhões de dólares em publicidade durante os intervalos da série, uma das mais populares comédias na televisão depois do “Bing Bang Theory”.

Roseanne Barr é também conhecida por ser uma apoiante do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.