Fonte Bastardo perde com Lokomotiv para a Taça Challenge de voleibol

Fonte Bastardo perde com Lokomotiv para a Taça Challenge de voleibol

 

Lusa/AO online   Outras modalidades   7 de Dez de 2017, 16:51

O Fonte Bastardo perdeu hoje por 3-1 com o Lokomotiv Baku, na primeira mão dos 16 avos de final da Taça Challenge de voleibol, que deixa a eliminatória em aberto para a receção aos azeris, nos Açores.


A equipa azeri venceu pelos parciais de 25-23, 21-25, 28-26 e 25-20, mas a discussão pela passagem aos oitavos de final da Taça Challenge está em aberto e a decidir a 20 de dezembro no Complexo Desportivo Vitorino Nemésio, na Ilha Terceira.

O equilíbrio e a alternância no comando dos parciais, excetuando o quarto e derradeiro ‘set’, foi uma constante durante todo o encontro, em que terá pesado no conjunto açoriano, liderado por João José, o desgastante da viagem de quase dois dias.

O Fonte Bastardo liderou de forma folgada o primeiro ‘set’ até aos 20-15, mas o Lokomotiv Baku, com um parcial de 10 pontos marcados e apenas três sofridos, anulou a vantagem da formação lusa e venceu por 25-23, em 29 minutos.

No segundo parcial, o Fonte Bastardo liderou à passagem do primeiro e segundo tempos técnicos (08-05 e 16-14) e, depois de ter estado a vencer por quatro pontos (20-16), ‘fechou’ com alguma tranquilidade aos 25-21, em 26 minutos.

O equilíbrio voltou a marcar presença no terceiro ‘set’, sem que nenhuma das equipas conseguisse destacar-se no marcador mais do que dois pontos, até que, com um parcial de três, o Lokomotiv Baku colocou a diferença em três, aos 18-15.

O Fonte Bastardo anulou duas bolas da formação azeri para ‘fechar’ o parcial aos 24-22 e 24-23 e relançou a incerteza quanto ao vencedor ao empatar a 24-24 e arrastar a decisão até à diferença de dois.

Depois de sucessivas igualdades, aos 25-25 e 26-26, o Lokomotiv Baku, superior nas ações de bloco e a cometer menos erros, ‘fechou’ o parcial aos 28-26, em 32 minutos, e colocou-se a vencer por 2-1 no encontro.

No quarto e último ‘set’, acabou por pesar algum cansaço na formação orientada por João José que, apesar da boa atitude, principalmente ao nível do ataque, perdeu por 25-20, em 25 minutos, num parcial em que esteve sempre em desvantagem.

Kaio Rocha e Reinaldo Silva, com 19 pontos, foram os jogadores em destaque no capítulo da concretização na formação do Fonte Bastardo, que tem tudo em aberto para decidir a seu favor, no Açores, a passagem aos oitavos de final.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.