Autarca da Horta diz que Escola do Mar valoriza a ilha

Autarca da Horta diz que Escola do Mar valoriza a ilha

 

Miguel Bettencourt Mota   Regional   16 de Jan de 2018, 16:23

O presidente da Câmara Municipal da Horta considera que a Escola do Mar dos Açores, que está a ser edificada no Faial e totaliza um investimento de 4,5 milhões de euros por parte do Governo Regional, se constitui como um importante instrumento de valorização para aquela ilha do grupo Central e para o concelho que gere.


"A instalação, na ilha do Faial, da Escola do Mar dos Açores é o reconhecimento da aposta que tem sido realizada por diversos parceiros institucionais, na promoção da Horta e da ilha do Faial enquanto cidade-mar dos Açores”, afirmou José Leonardo Silva, citado por uma nota informativa municipal, depois de uma visita à obra em curso.

Para o edil está também claro que o projeto, que se prevê terminado em 2019, será também um pertinente contributo para a qualificação de recursos humanos nas áreas profissionais afetas ao mar.

Como disse, “esta é uma obra emblemática que fará toda a diferença na economia do Faial e dos Açores” e que “irá reforçar a centralidade do Faial nas temáticas do mar”.

Na visita à obra da Escola do Mar estiveram também presentes o secretário regional do Mar, Ciência e Tecnologia, Gui Menezes, o representante da Universidade dos Açores, João Gonçalves e o diretor Regional dos Assuntos do Mar, Filipe Porteiro.

A Escola do Mar é, recorde-se um projeto da responsabilidade do Governo Regional e que conta com a parceria da Câmara Municipal da Horta, do Departamento de Oceanografia e Pescas e da Escola Náutica Infante D. Henrique.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.